«O bem que o jornal faz não há dinheiro no mundo que o pague. Há cerca de 60 anos que o assino e leio, com muito interesse e... proveito.»

(Assinante 14412)

Já saiu a edição n.º 1964 de 22 de Junho.

 Quinzenalmente consigo, o «Famos.

Faça-se assinante

  • Edição em papel que receberá em sua casa pelos CTT
  • Edição em formato digital para ler online com todo o conteúdo da Edição em papel

* Para ler Edições em papel desde o n.º 1 em formato PDF clique aqui (não precisa de ser assinante) *



do livro da nossa Editorial

 «Obra da Rua»

«... Tinham-me informado de uma casa de campo à venda, sita a dois passos da vila de Miranda do Corvo, adequada ao meu fim...

Fomos examinar casa e local, por uma tarde de Verão. Gostei e tratei por quarenta mil escudos.

Isto foi no mês de Julho de trinta e nove. Por aquele tempo tinha eu, em Vila Nova do Ceira, os garotos das Colónias a quatro alqueires de boroa nas vinte e quatro horas, fora o mais que eles consumiam...

Assinei a escritura, dei metade à conta e no fim de poucas semanas tinha a dívida saldada - «a César o que é de César».

A Casa do Gaiato abriu as portas aos  três primeiros garotos na primeira semana de Janeiro de mil novecentos e quarenta...»

Padre Américo, Obra da Rua, 5.ª Edição, p. 37-39



Museu - Memorial Padre Américo / Obra da Rua

Inaugurado em 23 de Outubro de 2017

com a exposição 130 anos do Nascimento de Pai Américo,

no edifício da Escola da Casa do Gaiato de Paço de Sousa.

Está aberto para visitas. Entrada livre.

Aqui ou em MUSEU consulte horário e faça marcação para visita.

As nossas CASAS - Encontre a informação que procura